22 de Março de 2010

ESCLARECIMENTO NÚMERO 157 - diretamente do twitter e do facebook

VOU FALAR BEM GRANDE JÁ QUE TEM QUE SER ASSIM: EU NÃO SOU ROTEIRISTA DO FILME NOME PRÓPRIO. ELE É BASEADO NAS MINHAS OBRAS. PARTICIPEI ATÉ CERTA FASE DO ROTEIRO QUE FOI DESCARTADA NA EDIÇÃO, SE É QUE FOI FILMADA. SOU A AUTORA DOS LIVROS USADOS PARA A REMOTA ADAPTAÇÃO DO DIRETOR. A ROTEIRISTA CHAMA-SE MELANIE DIMANTAS E A MAIORIA DOS TEXTOS NA TELA SÃO DE AUTORIA DA POETISA E FILÓSOFA VIVIANE MOSÉ. OBRIGADA.
a propósito, nunca falei mal do filme. só explico que não tem frase minha inteira e que meus livros são completamente diferentes. falta o senso de humor, um dos pilares do que foi originalmente escrito. a leandra arrasou e a fotografia é linda. mas enquanto adaptação EU - a autora - tenho todo direito de expor minha opinião e de tirar o meu da reta. sem usar meu profano nome em vão. a casa agradece.
.
.
.
isso tudo porque o filme é destaque no telecine cult deste mês e me foi dito que meu nome aparece como principal roteirista na chamada, o que é meio que ultrajante tanto para mim quanto para a verdadeira roteirista. melanie dimantas. oquei? viviane mosé. minhas frases, as pouquíssimas, aparecem esparsas e fora de contexto. é só pra deixar claro mais uma vez e não ter que me explicar DE NOVO: esse filme não é meu.

abracinho,


Clara Averbuck é escritora

Instagram

  • Twitter
  • Facebook
  • RSS

Ilustrações: Eva Uviedo

hand made by: SENSO*